Suíça de norte a sul

IMG_1982

Montanha, lago e túnel

Pedalar pela Suíça é uma experiência inesquecível, que apesar do custo elevado, vale cada centavo. Trata-se, sem dúvida nenhuma, de um dos países mais caros da Europa, se não for o mais caro, mas é também um dos mais belos e organizados, o que torna tudo muito mais fácil. O tempo estava bom, com presença frequente do sol e menor incidência de chuva, o que me possibilitou acampar algumas noites na floresta e em campings, e desta forma diminuir muito os gastos nesta etapa, sem deixar de aproveitar a viagem.

IMG_1951

Lago, sombra e água fresca. Mesmo!

Com um mapa simples e fácil de visualizar, que adquiri em um ponto de informações ao turista logo que entrei no país (uma versão impressa das informações do site SchweizMobil – muito bom por sinal), tracei meu caminho para atravessar a Suíça de norte a sul, utilizando apenas rotas para bicicletas de passeio (existem também caminhos específicas para mountain bikes, patins, canoagem e pedestrianismo). Saí de Zurique, no norte, contornando o Zurichsee, um grande lago que divide a cidade ao meio e se estende em direção ao sudeste. Neste momento optei por pedalar às margens do lago, pegando o trecho final da ciclo rota nacional de número 9, chamada See-Route (Rota dos Lagos). Vale ressaltar que a sensação de pedalar às margens de rios e lagos lembra o clima da praia, o que muito me agrada.

IMG_1989

Saindo do túnel. Feio demais meu Deus!

A rota número 9 termina em consonância com a rota de número 2, a Rhein-Route (Rota do Reno) que por sua vez se conecta com a número 6, a Graubunden Route (XXX). No final da rota número 6 ainda peguei um trecho da rota número 3, a Nord-Sud-Route (rota norte sul), antes de atravessar os alpes pelo maravilhoso passo de San Bernardino. Todo o caminho é muito bem sinalizado, com placas de cores diferentes para cada modal, indicando para qual direção seguir e quais as distâncias para as próximas cidades. Passei por túneis exculsivos para bicicletas, cortando montanhas em cenários deslumbrantes, pedalei às margens de rios cercados por montanhas e trilhas tão loucas que poderiam facilmente fazer parte do filme O Senhor dos Anéis.

IMG_1959

E as flores começaram a aparecer

Mas a organização e a infra-estrutura são apenas alguns dos pontos favoráveis de se pedalar na Suíça. A educação dos motoristas é surpreendente, tornando o compartilhamento das vias algo natural, sempre que necessário. Em algumas cidades maiores, como Zurich, existem faixas de ônibus e taxis que também podem ser utilizadas por ciclistas. Soma-se a tudo isso a abundante disponibilidade de fontes de água fresca e potável, em cada pequeno vilarejo, em praticamente todo o caminho! Alguns trechos por onde passei haviam sofrido um bocado com as fortes chuvas que caíram recentemente, mas não o suficiente para atrapalhar meu deslocamento. Montanhas tiveram deslizamento de pedras, linhas de trem ficaram parcialmente interditadas e rios e lagos subiram acima dos seus níveis normais. Quando eu passava por estes pontos porém, via apenas os vestígios destes fenômenos.

IMG_9588

A Estrada Polonesa, construída por refugiados daquele país quando fugiram da guerra

É claro que nada disso valeria a pena se o caminho fosse feio, desagradável ou sem-graça. Está muito longe disso! Quando você não está contornando um dos inúmeros e belíssimos lagos, está sempre cercado por enormes montanhas, algumas delas ainda cobertas por neve, mesmo no verão. O tempo já estava começando a se firmar, e foi ali que pela primeira vez tive uma boa sequencia de dias de sol, o que também me ajudou muito a ter uma boa impressão do lugar. Mas não tenho o menor receio de afirmar que mesmo custando caro, foi uma experiência inesquecível. E olha que o melhor ainda estava por vir, atravessar os alpes pela famosa estrada de San Bernardino, considerada uma das mais belas do mundo!

IMG_1967

Sem comentários

IMG_1962

Consequencias da chuva

IMG_9579

Mais consequencias das chuvas….e por aí vai!

Screen shot 2014-01-22 at 18.38.22

Suíça de norte a sul, do Bodensee a San Bernardino

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s